Página 1 de 1

e-facil - Grupo Martins (www.efacil.com.br)

MensagemEnviado: Qui Jun 03, 2010 3:28 pm
por rosangelab
Em 10/03/2010, comprei um armário de cozinha (Colormaq) (pedido 45758815) da empresa E-facil, do Grupo Martins (achei que era confiável por ser desse Grupo), paguei à vista (boleto bancário) em 12/03. Em 21/04 descobri que haviam cancelado meu pedido por falta de pagamento. Entrei em contato, enviei 3 vezes o comprovante de pagamento, prometeram fazer um novo pedido e entregar em até 7 dias. Não aconteceu. Entrei em contato novamente, fizeram em meu nome um novo pedido (45329746) em meu nome, em 24/04. Em 31/05 não constava previsão de entrega no site. Acompanhei o pedido. Constava que o pagmento não havia sido efetuado.(Como?) Enviei comprovante pela 4ª ou 5ª vez e alertei a empresa sobre o fato, que eles iam "errar" de novo comigo. Nem recebi resposta. Cancelaram meu pedido de novo. Entrei em contato de novo e pedi o ressarcimento. Não fizeram. Entrei em contato de novo no dia 05/05, pedindo novamente o ressarcimento. Disseram de novo que em 7 dias o depósito seria feito. Desde abril estou mantendo uma conta no Bradesco para receber esse $, pois a conta de outro banco que hoje utilizo é conjunta. Mas, mesmo contando os mues problemas, nada, mais uma vez. No dia 22/05 entrei em contato novamente e pedi de novo que fizessem o ressarcimento. Contei, mais uma vez, que mudei recentemente para Alfenas, que estava fazendo minahs refeições em restaurantes, que todos os meus utensílios de cozinha estavam em caixas e no chão, que precisava do $ para comprar o armário em outra empresa. Nada de resposta outra vez, como sempre. Fui hoje ao banco, já estou no vermelho em R49,00 reais, e vi de novo, outra vez, como sempre, que o depósito não foi feito. Já cansei de reclamar, de ligar, de passar e-mail, de falar no atendimento (No DirectTalk, ou "cai" ou eles não atendem" simplesmente. Você fica cerca de 1 hora (é a média) para ser atendido). Eles simplesmente não resolvem e sempre falam que "em 7 dias" estará resolvido. Esses 7 dias devem ser de um futuro muito distante, porque nunca resolve. O único telefonema que recebi foi para fazer que a empresa estava fazendo um novo pedido e que em dias eu receberia o produto, o que, como já disse, não aconteceu. A empresa é tão disciplente que, apesar de todas as reclamações, ela não entra em contato (nem por e-mail) para saber como o cliente está, se o problema foi resolvido a contento.
Não atendem em feriados, não respondem às reclamações feitas por e-mail, dizem que o número do protocolo da reclamação é o número do pedido e assim vai. Preciso resolver essa situação. Já gastei R$38 reais com telefonema mais 49,00 mantendo a conta no banco. Daí a pouco, quando e se eu receber meu $ de volta (R389,99), será para custear as despesas relativas às reclamações e à manutenção da conta para receber esse dinheiro, pode? Alguém já ouviu falar em algo semelhante? Sempre comprei pela internet e JAMAIS tive esse tipo de problema, nunca fui tão desrespeitada como cliente, tão lesada como consumidora. A empresa tem preços ótimos, mas não entrega o produto e nem faz o ressarcimento de pagamento em tempo hábil. Não é nada fácil comprar deles, não é nada fácil receber de volta o dinheiro da gente que está com eles. No meu caso, eles estão com o meu dinheiro desde 12/03/2010. Hoje são 03/06/2010, isto é, estão com o meu dinheiro há 83 dias e tem 83 dias que estou com todas as minhas coisas de cozinha no chão, em caixas, e fazendo minhas refeições fora. Já fiz, no mínimo, doze reclamações. NÃO RECOMENDO!!!

efácil eimpossível

MensagemEnviado: Qui Dez 30, 2010 6:38 pm
por jc_alves
Comprei uma TV, pelo Site da eFácil, para substituir a minha que queimou, no apto que tenho na praia. Como iríamos somente no dia 29/12/2010, no final da tarde, e o site informava que a entrega tinha como “limite” o dia 29/12/2010, imaginei não haver problemas. Faltando 2 dias para expirar o prazo de entrega, recebi um e-mail informando que o prazo para entrega mudou para 30/12. Não havia muito o que fazer, posterguei a minha saída para a tarde / noite do dia 30/12. Como demorava a chegar, liguei, no período da tarde, não tenho idéia de quantas vezes, várias desculpas, o setor de entrega esta na hora de almoço etc. Outra, do “SAC” Sra. Pâmela, após 25 minutos de conversa e de espera, caiu a linha. Nova Ligação, Sr. Conrado, informou que a entrega estava prevista para 03 a 06/01/2011! Pode? Bye Bye, praia! Liguei para ouvidoria, Sra. Fabiana, após 17 minutos, informou simplesmente que registrou a queixa, para aguardar que fariam contato. Conversa posterior: Quanto tempo vou aguardar? Não tem como prever. Minutos, horas, dias, quanto tempo? Não sei te informar! Viajo ou aguardo? Não sei te informar! Quero falar com a supervisora da ouvidoria – “não tem supervisora, nós somos responsáveis” Final de ano na praia, família sem TV, pode? Você ficaria Sra. Fabiana, final de ano sem TV? Responde que sim, ficaria sem TV! Protocolo 869091 registrado. A atendente da ouvidoria ainda perguntou se podia ajudar em algo mais??? Liguei, novamente, não adiantou a Sra. Camila, também da ouvidoria, informou que havia o registro comentado e que devia aguardar... Estou Cancelando a viagem, apesar da choradeira, mas estou tão nervoso, que não dá nem para pensar em praia (sem, e agora, nem se recebesse a TV a tempo). eFácil, deveria mudar o nome para, talvez, eImpossível. Mas vão pagar caro, por isso! Aguardem!

Re: efácil eimpossível

MensagemEnviado: Qui Jan 05, 2012 10:54 am
por Rossana
Comprei um Smartphone Desbloqueado Claro C5-03 3G, Wi-Fi, GPS, Touch, Câmera 5.0MP, Bluetooth, Cartão 2GB - Nokia dia 06 de dezembro de 2.011, no site informava 2 dias para entrega. Dia 08 de dezembro recebi um email dizendo que a entrega havia sido modificada para o dia 15 de dezembro. Dia 15 não veio. Entrei em contato com a e-facil, pois desta vez, nem email veio. Me informaram que havia um problema com a entrega e que a nova data seria dia 23 de dezembro. Dia 26 de dezembro entrei em contato novamente e me falaram que a transportadora entraria em contato comigo em 48 horas (uteis). A transportadora não me deu retorno. Entrei em contato novamente e me deram a data de 04 de janeiro. Dia 4, na parte da manhã entrei em contato novamente com a loja e me falaram que a entrega seria mesmo neste dia, mas até as 21:00. Hoje dia 05 entrei em contato mais uma vez com a loja e me pediram novamente para aguardar mais 48 horas (uteis) para entrarem em contato para então agendar uma nova data de entrega!
Pensei que a efacil era uma loja confiável, pois já comprei 2 geladeiras e 1 máquina de lavar roupas e não tive problemas. Nem pesquisei as reclamações. Agora por um simples smartphone tenho todo este transtorno.

Re: efácil eimpossível

MensagemEnviado: Ter Set 30, 2014 6:17 pm
por alexandrevalente
A minha primeira e última compra no site http://www.eFacil.com.br foi dia 08/set/2014, pedido 66429654.
NÃO recebi o produto apenas novos prazos e promessas de entrega.
No site ainda mostra STATUS "Encaminhado para entrega".

Abri várias reclamações no SAC através de Email, Chat, telefone etc e nada.
Agora estou tentando cancelar, está complicado.

Como pude ser tão enganado pelas propagandas, na página do site mostra que é campeão em tudo, são os melhores do ano, etc etc.
Já percebi que não sou o único, tem inúmeras casos no ReclameAqui do mesmo problema.

DICA que encontrei na web:

>> Mercadoria entregue fora do prazo permite ao consumidor exigir o dinheiro de volta
Quando uma loja não entrega o produto no prazo acertado, o consumidor deve exigir solução. Problema referente à logística é assunto de exclusivo interesse da empresa, e atraso na entrega da mercadoria por tal motivo não é justificável.
O consumidor, portanto, não está obrigado a aceitar a entrega atrasada, fato que configura descumprimento de contrato por parte da empresa e, por isso, tem o direito de desfazer a compra, quando isso for do seu interesse, e exigir a devolução do valor pago, ou exigir que mantenham o preço ofertado.
Para cancelar a compra envie carta com aviso de recebimento (AR), reiterando que a loja descumpriu a oferta. Os valores pagos deverão ser devolvidos corrigidos. Se nada for feito, procure o Procon ou o Juizado Especial Cível. Na Justiça, o o consumidor pode buscar reparação por dano moral, quando os atrasos envolvem aborrecimentos com promessas não cumpridas e atrasos freqüentes.

http://blogs.estadao.com.br/advogado-de ... zo-permit/